sustentabilidade/80551-
AMIPA - Sustentabilidade > ALGODÃO BRASILEIRO RESPONSÁVEL (ABR)

Notificação

Coloque aqui a descrição do alerta pelo parametro 'desc'!
Fechar

21 anos

UMA ASSOCIAÇÃO DE FIBRA

Beneficiamento

BANCO TÉCNICO

Clique na imagem para ver detalhes.

Sustentabilidade

ALGODÃO BRASILEIRO RESPONSÁVEL (ABR)

 

 

Lançado no país em 2012 pela Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) e financeiro pelo Instituto Brasileiro do Algodão (Iba), o programa Algodão Brasileiro Responsável (ABR) fundamenta-se pelo incremento progressivo das boas práticas sociais, ambientais e econômicas nas unidades produtivas (fazendas) de algodão, com os objetivos de levar qualidade à produção nacional da pluma e, ao mundo, demonstrar a organização, empenho e preocupação dos brasileiros com a sustentabilidade e futuro das próximas gerações.

 

A criação do ABR sob a liderança da Abrapa e apoio das Associações Estaduais, como a Amipa, evidencia ainda mais o compromisso dos cotonicultores, alinhado ao do próprio setor, com a sustentabilidade na produção do algodão no Brasil.

 

O programa vem a ser a unificação, continuidade e o aprimoramento das ações sustentáveis já desenvolvidas por meio do Instituto Algodão Social (IAS), do Mato Grosso, e do Programa Socioambiental na Produção do Algodão (Psoal), este adotado por vários Estados produtores do país a partir de 2009.

 

O ABR tem como foco os princípios fundamentais do desenvolvimento sustentável, baseado em pilares social, econômico e ambiental, em especial aqueles relativos:

 

  • à regularização das relações trabalhistas e ao cumprimento das normas de segurança do trabalho;
  • à proibição da utilização de mão de obra infantil e da prática de trabalho forçado ou análogo a escravo, trabalho degradante ou indigno;
  • à proibição de discriminação de pessoas;
  • à liberdade de sindicalização e apoio à negociação coletiva entre os sindicatos laborais e patronais;
  • à proteção legal e preservação do meio ambiente;
  • à aplicação das boas práticas agronômicas na produção do algodão brasileiro.

 

 

A adesão ao programa e consequente participação permitirá ao produtor, associado a uma das Associações Estaduais de produtores de algodão, obter o Certificado de Conformidade ABR e o respectivo Selo de Conformidade, instrumentos que atestarão o nível de conformidade obtido pelo cotonicultor, por unidade produtiva em processo de certificação, executado com base nos critérios de sustentabilidade adotados no Regulamento do ABR por empresa certificadora credenciada pela Abrapa.

 

Na safra 2013/14 em um acordo decorrente de benchmarking com a instituição suíça Better Cotton Initiative (BCI), houve unificação dos protocolos ABR e BCI, a qual permite que o produtor - sendo de sua escolha e após obter aprovação no processo de certificação – seja certificado pelo ABR e licenciado BCI.

 

COMO É A ADESÃO E CERTIFICAÇÃO DO ABR

 

O processo apresenta 7 etapas bem definidas e toda a documentação envolvida, bem como guia, regulamento e manuais de orientação podem ser baixados do site http://www.abrapa.com.br/sustentabilidade/Paginas/default.aspx.

 

Para aderir ao ABR, é necessário que o produtor seja associado à Amipa. Na Associação, o produtor poderá contar com colaboradores do setor de Sustentabilidade para esclarecer dúvidas e buscar orientações durante todo o processo de adesão e certificação.

 

1 - PREENCHIMENTO DO TERMO DE ADESÃO

É o documento formal que dá início ao processo de certificação. O produtor deve preenchê-lo e enviá-lo à Amipa, declarando se opta ou não pela adesão ao licenciamento de comercialização BCI, em razão da unificação dos protocolos dos dois programas.

 

 

2 - AGENDAMENTO DE VISITA – VERIFICAÇÃO PARA DIAGNÓSTICO DA PROPRIEDADE (VDP)

O produtor que formalizar a sua adesão, fará o agendamento de visita da equipe técnica da Associação para aplicação da lista de Verificação para Diagnóstico da Propriedade (VDP), por meio da qual será levantada a situação da propriedade segundo os critérios de sustentabilidade do ABR.

 

 

3. ELABORAÇÃO DO PLANO DE CORREÇÃO DAS NÃO CONFORMIDADES (PCNC)

Após a visita à propriedade e consequente aplicação da lista VDP, o produtor irá elaborar, em conjunto com a equipe técnica da Amipa, o Plano de Correção das Não Conformidades (PCNC), que tem por finalidade sanar as irregularidades ou inadequações levantadas que não atendam aos requisitos definidos pelo ABR para certificação.

 

 

4. IMPLEMENTAÇÃO DO PCNC

Este é o momento de colocar em prática o plano elaborado na etapa anterior, no qual ocorrerá o monitoramento pela equipe técnica envolvida, fornecendo todo o apoio necessário para o produtor obter sucesso na implementação das correções previstas.

 

 

5 – CONTRATAÇÃO DE AUDITORIA EXTERNA

Com o plano de correção das não conformidades já executado, o produtor deverá contratar auditoria externa por meio da Amipa. Feito o agendamento, o produtor receberá os auditores em sua propriedade para aplicação da lista de Verificação para Certificação da Propriedade (VCP), ou seja, confirmar se as não conformidades apuradas na fase de diagnóstico foram corretamente sanadas, em acordo com os preceitos do programa.

 

 

6 – RECEBIMENTO DO CERTIFICADO

Realizada a auditoria e não havendo desacordo com os critérios de produção sustentável, o produtor recebe, via Amipa, o seu certificado ABR, válido para a safra em vigor e, se tiver feito a opção, contemplando também o licenciamento da BCI.

 

7 – SELOS ABR

De posse do certificado, o produtor está apto a contratar a produção dos selos ABR, através do Sistema Abrapa de Identificação (SAI) e aplicá-los nos fardos relativos à safra certificada.

Maiores detalhes e orientações podem ser obtidos com a equipe de Sustentabilidade da Amipa, pelo telefone (34) 3821-5828 ou pelo e-mail sustentabilidade@amipa.com.br

 

 

Voltar para a lista

Querido usuário: Atualize seu navegador

Identificamos que seu navegador está desatualizado e não consegue exibir complementamente este site, atualize-o.

Atualizar seu navegador

Infelizmente não existem versões mais recentes do seu navegador disponivél para seu sistema operacional(Windows XP ou inferior), com base nisto disponibilizamos abaixo o Google Chrome Frame, um complemento para seu navegaor que habilita a compatibilidade do site.

Clique ao lado para instalar o Google Chrome Frame e habilitar a compatibilidade do nosso site no seu navegador, após a instalação reinicie seu navegador.

Atualizar seu navegador

Seu navegador possui uma versão mais recente, atualize-o para poder acessar este site.

Identificamos que voce está utilizando um versão desatualizada do seu navegador, clique ao lado para atualizar para sua versão mais recente.

Atualizar seu navegador

Seu navegador possui uma versão mais recente, atualize-o para poder acessar este site.

Identificamos que voce está utilizando um versão desatualizada do Internet Explorer, clique ao lado para atualizar para o Internet Explorer 8.

Instalar um novo navegador

É altamente recomendavel que instale um novo navegador, os indicados abaixo foram testados e indicados por orgãos responsavéis.

Motivo para atualização ou instalação de um novo navegador

Nosso site usa e abusa das novas tecnologias da web para ofereçer segurança, estabilidade e rapidez para a sua navegação, seu navegador esta desatualizado e não oferece compatibilidade para tais tecnologias, além deste site, ele pode estar influenciando toda sua navegação na internet negativamente, entenda mais motivos clicando aqui.